dicas

Copiando a imagem das atividades Para copiar ou salvar as imagens das atividades siga os seguintes passos: 1- Clique sobre a imagem com o botão direito do mouse. 2- Irá aparecer uma caixa, clique em exibir imagem. 3- A imagem será ampliada, clique novamente sobre ela com o botão direito do mouse. 4- Irá aparecer uma nova caixa, clique em copiar a imagem ou salvar como. 5- Se copiar a imagem cole no Word. 6- Se salvar como, escolha um local no seu computador e salve.

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Atividade de escrita alfabetização


sábado, 1 de dezembro de 2012

Mensagem aos pais Tempo para os filhos



Quanto o Sr ganha por hora?


Um menino, com voz tímida e os olhos cheios de admiração, pergunta ao pai, quando este retorna do trabalho:

- Papai! Quanto o Sr. Ganha por hora?

O pai, num gesto severo, respondeu:

- Escuta aqui meu filho, isto nem a sua mãe sabe! Não amole, estou cansado!

Mas o filho insiste:

- Mas papai, por favor, diga quanto o Sr. ganha por hora?

A reação do pai foi menos severa e respondeu:

- Três reais por hora

- Então, papai, o Sr. poderia me emprestar um real?

O pai, cheio de ira e tratando o filho com brutalidade, respondeu:

- Então era essa a razão de querer saber quanto eu ganho? Vá dormir e não me amole mais, menino aproveitador!

Já era tarde quando o pai começou a pensar no que havia acontecido e sentiu-se culpado.

Talvez, quem sabe, o filho precisasse comprar algo.

Querendo descarregar sua consciência doida, foi até o quarto do menino e, em voz baixa, perguntou:

- Filho, está dormindo?

- Não papai! (respondeu o sonolento garoto)

- Olha aqui está o dinheiro que me pediu, um real.

- Muito obrigado, papai! (disse o filho, levantando-se e retirando mais dois reais de uma caixinha que estava sob a cama).

Agora já completei, Papai! Tenho três reais. Poderia me vender uma hora de seu tempo?
Para refletir:

"Será que estamos dedicando tempo suficiente aos nosso filhos?"

Portal da transparência - Conferir a situação do seu município perante as leis



http://www.portaldPortal do cidadãoocidadao.tce.sp.gov.br

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Poesia ALFA - Belíssima

ALFA
Tenho pena,
Muita pena
Desses homens que governam
Um país de analfabetos.
Pobres homens letrados!
Ignorantes...
Não dessas letras
Que falam só pro papel,
Que, passivo, tudo aceita;
Que essas eles dominam.
Mas, ignorantes das letras
Escritas, com pó de estrelas,
No quadro-negro do céu;
Na escolinha "Do Infinito".
Porque, se lá estudassem,
Logo, logo, saberiam
Como é que se lê: servir;
Como é que se escreve: amar.
E, lá pro meio do caderno,
Por certo, já escreveriam:
(Embora em letra indecisa)
Dignidade,
Respeito
E, quem sabe,
Bem-comum.
E, ao final da cartilha,
Leriam, sem embaraço:
_ Vovó viu a uva
Matar a fome do povo.
E, como prêmio, teriam:
O Livro do Governante
(De capa bem colorida)
E o diplominha que habilita
A pedir votos ao povo.
E, ao se empossarem,
Com as vozes embargadas de
emoção,
(À guisa de juramento)
Leriam, para todos,
Do primeiro livro que ganharam
A primeira e única página:
- Governar é educar o povo;
E só há um modo de fazê-lo:
Honrando,
Respeitando e
Dignificando...
O PROFESSOR.
(Moacy 
José Sacramento)

domingo, 25 de novembro de 2012

cartilha Olho vivo Fundeb


Dinâmica de natal para grupos


Dinâmica de Natal

Objetivo:
Interagir com o grupo e construir o sentido amplo do Natal.
Material:
Frases complementares.
Procedimento:
a) Recortar as frases e dobrá-las;
b) Distribuir em forma de sorteio de acordo com o número de participantes (nesta dinâmica há frases para 44 pessoas);
c) Lê-se as frases em sequência numérica;
d) Cada frase tem sempre uma frase-resposta ou complementar, exemplo:
1. Eu sou o Natal sem árvore
1. Eu sou a árvore do seu Natal

Frases complementares com o sentido amplo do Natal
1. Eu sou o Natal sem árvore
1. Eu sou a árvore do seu Natal

2. Eu sou a árvore de Natal sem estrela
2. Eu sou a estrela da sua árvore de Natal

3. Eu sou o enfeite de Natal sem brilho
3. Eu sou o brilho do seu enfeite de Natal

4. Eu sou o Papai Noel sem trenó
4. Eu sou o trenó do Papai Noel

5.Eu sou a criança sem presente neste Natal
5. Eu sou o presente da criança neste Natal

6. Eu sou a ceia de Natal sem as pessoas queridas
6. Eu sou as pessoas queridas da sua ceia de Natal

7. Eu sou a música sem Noite Feliz
7. Eu sou a Noite Feliz da sua música

8. Eu sou a noite de Natal sem neve
8. Eu sou a neve da sua noite de Natal

9. Eu sou a Coroa do Advento sem velas
9. Eu sou as velas da sua Coroa do Advento

10. Eu sou o mundo sem Deus Pai, Filho e Espírito Santo
10. Eu sou o Deus Pai, Filho e Espírito Santo do seu mundo

11. Eu sou a vela sem luz neste Natal
11. Eu sou a luz da sua vela neste Natal

12. Eu sou o perdão sem alegria neste Natal
12. Eu sou a alegria do seu perdão neste Natal

13. Eu sou coração sem solidariedade neste Natal
13. Eu sou a solidariedade do seu coração neste Natal

14. Eu sou Maria sem o Anjo da Anunciação
14. Eu sou o Anjo da Anunciação a Maria

15. Eu sou os pastores sem a Boa Noticia do Anjo do Senhor
15. Eu sou a Boa Notícia do Senhor aos pastores

16. Eu sou os Reis Magos sem ouro, mirra e incenso
16. Eu sou o ouro, mirra e incenso dos Reis Magos

17. Eu sou a manjedoura sem amor
17. Eu sou o amor da sua manjedoura

18. Eu sou a Belém da Judéia sem a gruta onde nasceu Jesus
18. Eu sou a gruta onde nasceu Jesus em Belém da Judéia

19. Eu sou Maria e José sem o Menino Jesus
19. Eu sou o Menino Jesus de Maria e José

20. Eu sou a promessa do Senhor sem Messias, o Salvador
20. Eu sou o Messias – Salvador, prometido do Senhor

21. Eu sou as famílias desunidas neste Natal
21. Eu sou a união das famílias neste Natal

22. Eu sou o Natal sem justiça
22. Eu sou a justiça de seu Natal.

SARESP 2010 -5º ANO


















Infelizmente não é possível copiar as imagens, mas para fazer o download da prova acesse:

RETIRADO :http://www.aldacavalcante.com/2010/09/e-vem-ai-o-saresp-2010-download-provas.html




terça-feira, 20 de novembro de 2012

Sapo com medo de água

Sugestão de textos para avaliação 4º anos

Livro O Sapo com Medo d´Água da editora Villa Rica

Dois homens, fugidos da prisão, pararam na beira da lagoa para matar a sede e descansar um pouco.
Um sapo dormia debaixo da samambaia.
Os bandidos agarraram o sapo.
- Olha que desengonçado! – disse um deles, apertando o bicho entre os dedos.
- É feio que dói! – completou o outro com cara de nojo.
E os dois resolveram fazer maldade.
- Vamos jogar no formigueiro ?
Ouvindo isso, o sapo estremeceu. Por dentro. Por fora, abriu um sorriso indiferente.
- Que nada – respondeu o outro, percebendo que o sapo não estava nem ligando. – Pega a faca. Vamos picar ele todinho.
O sapo, de olhos fechados, começou a assobiar uma linda melodia.
Os dois bandidos queriam dar um jeito de fazer o sapo sofrer.
- Sobe na árvore e atira ele lá do alto.
- Pega um fósforo e acende uma fogueira. Vamos fazer churrasco de sapo!
O sapo espreguiçava-se tranqüilo entre os dedos do homem.
Um dos bandidos teve outra idéia.
- Já sei! Vamos afogar o desgraçado na lagoa!
Foi quando o sapo deu um pulo desesperado e começou a gritar:
- Tudo menos isso!
Os malfeitores, agora sim, tinham chegado onde queriam.
- Vai pra água, sim senhor!
- Não sei nadar! – berrava o sapo.
- Então vai morrer engasgado!
O bicho esperneava:
- Socorro!
- Vai sufocar de tanto engolir água!
- Não!
- Vai virar comida de jacaré!
- Tenho mulher e filhos pra cuidar!
- Joga bem longe!
- Me acudam!
- Lá vai!
O homem atirou o sapo no fundo da lagoa.
O sol estava redondo.
O sapo – ploft – desapareceu no azul bonito das águas.
Depois voltou risonho, mostrou a língua e foi embora nadando e cantando e dançando e requebrando n’água, feliz da vida.
 


Atividades

1- O sapo agiu com: escolha uma e justufique:
a) força e coragem
b) boa vontade e persistência
c) agilidade e esperteza
d) astúcia e convencimento

2- Como você caracteriza a ação dos homens?

3- Qual a moral da história?

4-Para refletir:
Você concorda que, dependendo da situação, ser “poderoso” não significa ser “melhor” do que os outros e que ser “fraco” não significa ser incapaz de ser útil?
Pense numa situação na qual a força não seja o principal atributo na resolução de um problema

5-Avaliação
Pedir aos alunos para produzir uma fábula. Para tanto, eles devem:
1) Escolher dois ou mais animais para serem os personagens da fábula;
2) Escolher uma situação-problema a ser resolvida por esses personagens;
3) Colocar, no final da fábula, uma moral, isto é, um ensinamento que resuma o conteúdo da fábula.

O galo que logrou a raposa

Um velho galo matreiro, percebendo a aproximação da raposa, empoleirou-se numa árvore.
A raposa, desapontada, murmurou consigo:
“...Deixa estar, seu malandro, que já te curo!...” E em voz alta:
-Amigo, venho contar uma grande novidade: acabou-se a guerra entre os animais. Lobo e cordeiro, gavião e pinto, onça e veado, raposa e galinha, todos os bichos andam agora aos beijos, como namorados. Desça desses poleiros e venha receber o meu abraço de paz e amor.
-Muito bem! –exclamou o galo. Não imagina como tal notícia me alegra! Que beleza vai ficar o mundo, limpo de guerras, crueldades e traições! Vou já descer para abraçar a amiga raposa, mas... como lá vem vindo três cachorros, acho bom esperá-los, para que eles também tomem parte da confraternização.
Ao ouvir falar em cachorros, dona raposa não quis saber de histórias, e tratou de pôr-se a fresco, dizendo:
- Infelizmente, amigos Có-ri-có-có, tenho pressa e não posso esperar pelos amigos cães. Fica para outra vez a festa, sim? Até logo.
E rapou-se.
Com esperteza, - esperteza e meia.

Interpretação

1-Em “Um velho galo matreiro, percebendo...” – a palavra sublinhada significa:
A( ) notando
B( ) adivinhando
C( ) supondo
D( ) prevenindo

2- Em ...”percebendo a aproximação da raposa...” – apalavra sublinhada pode ser substituída por:
A( ) proposta
B( ) intenção
C( ) voz
D( ) chegada

3- E “empoleirou-se numa arvore” – a palavra sublinhada pode ser substituída por:
A( ) escondeu-se
B( ) subiu
C( ) pulouD( ) encolheu-se

4- Em “a raposa, desapontada, murmurou consigo” – a palavra sublinhada significa:
A( ) disse em voz baixa
B( ) falou disfarçadamente
C( ) resmungou
D( ) pensou

5- Em “Muito bem! – exclamou o galo.”- a palavra sublinhada significa:
A( )falar em voz alta e com admiração.
B( ) falar em tom de censura.
C( ) falar demonstrando aprovação.
D( ) falar em tom autoritário.

6- Em “Que beleza vai ficar o mundo, limpo de guerras” – a expressão sublinhada equivale a:
A( ) entre as
B( ) apesar das
C( ) longe das
D( ) sem as

7- Em “... e tratou de por a fresco”, a expressão sublinhada quer dizer:
A( ) ir para um lugar que não faça tanto calor.
B( ) sair para o ar livre.
C( ) ir saindo.
D( ) colocar-se a salvo.

8- Em “E raspou-se” significa:
A( ) saiu calmamente.
B( ) saiu precipitadamente.
C( ) escondeu-se.
D( ) feriu-se.

9- Quando o galo se empoleirou na arvore, a raposa ficou:
A( ) zangada.
B( ) decepcionada.
C( ) indiferente.
D( ) contente.

10-A respeito da atitude do galo, a raposa pensou consigo mesma – “Deixe estar, seu malandro, que já te curo!” – Isso significa que ela pensou em:
A( ) aliviar o sofrimento do galo.
B( ) dar uma lição no galo.
C( ) cozinhar o galo..

11- Ao dizer “Que beleza vai ficar o mundo, limpo de guerras, crueldades e traições!” – o galo se refere às:
A( ) desavenças ocorridas entre os homens.
B( ) brigas entre ele e a raposa.
C( ) crueldade cometida pela raposa em relação a seus amigos.
D( ) desavenças que houve no reino animal.

12- A raposa é tida como um animal muito assustado, esperto. Nessa fabula, a raposa mostrou-se:
A( ) mais esperta do que o galo.
B( ) menos esperta do que o galo.
C( ) tão esperta quanto o galo.
D( ) muito esperta, alem de corajosa e brincalhona.

13- O nome Co-ri-có-có, usado pela raposa em referencia ao galo, relaciona-se:
A( ) ao canto do galo.
B( ) à raça do galo.
C( ) à cor do galo.
D( ) ao físico do galo.

Interpretação de poesia Motivo de Cecilia Meireles


                          Motivo
Eu canto porque o instante existe
e a minha vida está completa.
Não sou alegre nem sou triste:
sou poeta.
Irmão das coisas fugidias,
não sinto gozo nem tormento.
Atravesso noites e dias
no vento.
Se desmorono ou se edifico,
se permaneço ou me desfaço,
– não sei, não sei. Não sei se fico
ou passo.
Sei que canto. E a canção é tudo.
Tem sangue eterno a asa ritmada.
E um dia sei que estarei mudo:
mais nada.” (MEIRELES, 1985, p. 81.)




Durante a leitura
• Peça aos alunos que leiam o texto silenciosamente.
• Recomendamos que você leia o poema. Comente com os alunos como deve ser
a leitura dos versos com falsa terminação.
• Esclarecer o sentido de algumas palavras: “fugidias”, “edifico” etc.
• Na segunda leitura, realizada pelo professor, é importante comentar alguns trechos do poema. Ao longo do texto há idéias sobre o poeta e a poesia.

Após a leitura


a) O poema “Motivo” de Cecília Meireles trata do poeta e da poesia. Que idéias  o poema apresenta sobre o poeta? E sobre a poesia?
b) Por que as antíteses que aparecem no texto estão sempre relacionadas ao poeta?
c) Há, na última estrofe, uma oposição que não está explícita entre a canção e  o poeta. Qual é a oposição? Como interpretá-la?
d) Por que a autora usou uma metáfora para referir-se à poesia?


sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Problemas convencionais para o 5º ano


1) O passo de Cláudia mede 0,60 m. Quantos passos ela deve dar para percorrer uma distância de 2.400 m?
R:_
2) A gasolina que usamos contém 18% de álcool. Sabendo disso, responda: Quantos litros de álcool têm em 8,5 litros de gasolina?
R:_
3) Para alimentar seus bois, Pedro Thiago usa diariamente, 458 kg de ração. Quantas toneladas de ração os bois consomem em 25 dias?
R:

4)  Uma caixa com 25 canetas custa R$33,75. Qual é o preço de cada uma dessas canetas?
R:
5) Ana vai dividir um tecido de 41,7 metros em 5 partes iguais, quantos metros terá cada parte?
R:_
6) Um agricultor colheu 38 kg de feijão e quer colocá-los em sacos de 4,75 kg, quantos sacos deverá obter?
R:_________________________________________________________________________________
7 Quantas garrafas podemos encher com 51 litros de suco de laranja, se em cada garrafa cabe 0,6 litro?
R:___________________________________________________________________________________________

8) Os doze vagões de um trem dão um comprimento de 158,4 metros. Qual o comprimento de cada vagão?
R:___________________________________________________________________________________________

6) Marcelo ganha um salário de R$900,00. A partir deste mês, vai receber um aumento de 15%, qual será o valor do seu novo salário?
R:___________________________________________________________________________________________

9) João andou 800 metros de distância de sua casa até a escola. Essa distância corresponde a 4/5 do total que ele deve percorrer.
a) Quantos metros faltam para ele  completar o percurso?_______________________________________________
b) Qual à distância de sua casa até a escola?________________________________________________________

 8) O automóvel de Juliano percorre, aproximadamente, 80,7 km por hora. Para chegar até o local onde deseja passar suas férias,  Juliano calculou que terá que dirigir durante 8 horas.
a) Quantos quilômetros, aproximadamente, Juliano percorrerá para chegar ao seu destino? 

divisões com material dourado


A Lúcia tem uma farmácia e resolveu distribuir igualmente 812 lencinhos para 4 amigas. 
Os lenços estavam embalados assim:
2 lenços soltos;
1 envelope com 10 lenços
8 caixas com 10 envelopes cada uma.
     
      a) Pegue  o material dourado de modo a representar os lenços e dramatize, com ele ,a situação.
b)Descreva as atitudes que você tomou  para conseguir fazer a distribuição (se quiser, use desenhos).
c)    Represente matematicamente o que aconteceu.

atividades de adição com Cálculo e nomenclatura


ADIÇÃO: CÁLCULO E NOMENCLATURA.
 
  312 parcela
+197 parcela
       16_parcela_
525 soma ou total

1)    Uma adição tem duas parcelas. Uma delas é 37e a outra é o triplo dessa. Qual é a soma?
2)    Uma adição de duas parcelas tem a soma 98. Se uma parcela é 67. Qual é a outra parcela?
3)    Uma adição tem 3 parcelas. A primeira é 37. A segunda é 18. a soma é 99. Qual é a terceira parcela?

Efetue as somas e coloque as nomenclaturas.


a)    1234 + 675=  ____________               e) 579.987+45.897=______________
b)    9879 + 4567=   ____________            f) 87.652 + 34.743=______________
98.745 + 3458=  ____________          g)  678 + 1.564+ 43=_____________

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Interpretação de carta de leitor -4° anos


Vida no Campo
               
Moro na área rural, na cidade de Viçosa, em Minas Gerais. Escrevo para dizer que adoro a revista CHC. Tenho a revista desde o número 1. Gosto do Rex, da Diná e do Zíper. Inventei até uma namorada para o Zíper, o nome dela é Zipinha. Gostaria que publicassem o meu endereço, pois quero fazer novas amizades. Um grande abraço.
Noé M. E. P. L. da Costa. Caixa Postal 201, 36510-000, Viçosa/MG.

Iiiih, Noé! O Zíper não quer saber de namorada agora, não. Talvez quando estiver mais velho. Mas toda a turma manda abraços para você!

CIÊNCIA HOJE DAS CRIANÇAS. Rio de Janeiro: SBPC, ano 19, nº 170, p. 29, julho de 2006.

1. O suporte onde este texto foi publicado é:
a) (     ) um jornal.
b) (     ) uma revista.
c) (     ) um livro.
d) (     ) a cidade Rio de Janeiro.

2. O texto acima é:
a) (     ) uma carta entre amigos.
b) (     ) um texto informativo.
c) (     ) um anúncio de revista.
d) (     ) uma carta de um leitor.

3. Porque a segunda parte do texto está escrita em itálico?

4. “Escrevo para dizer que adoro a revista CHC.” O que significa a sigla CHC? 

5. Na fonte do texto aparece escrito “p. 29”, significa que:
a) (     ) o texto está na página 29.
b) (     ) o texto está na publicação 29.
c) (     ) o texto está no parágrafo 29.
d) (     ) o texto foi publicado no dia 29.

Avaliação de ciências- Sistema digestório


Sistema Digestório
O Sistema Digestório é formado pelo tubo digestivo e suas glândulas anexas, tem como função retirar dos alimentos ingeridos os nutrientes necessários para o desenvolvimento e a manutenção do organismo, isto é, o tubo digestivo tem a função de transformar alimento em nutrientes e absorvê-lo. As estruturas anexas ao tubo digestivo são as glândulas salivares (produtoras de saliva), o fígado (produtor da bile) e o pâncreas (produtor de enzimas digestivas).
O primeiro passo desse processo ocorre na boca, onde o alimento é triturado pelos dentes na mastigação e umedecido pela saliva. Nesta região se inicia a digestão do alimento, processo segue em movimentos peristálticos pelo esôfago, continua no estômago e termina no intestino delgado. No intestino grosso há a absorção de água e, consequentemente, as fezes tornam-se semi-sólidas e são eliminadas pelo ânus.

1. A importância da digestão para o nosso corpo é:
a) (     ) desenvolver nosso organismo.
b) (     ) ativar as glândulas anexas.
c) (     ) transformar os alimentos em nutrientes e absorvê-lo.
d) (     ) transformar os nutrientes em alimentos para o corpo.

2. Os órgãos do nosso sistema digestório podem ser divididos em:
a) (     ) estruturas anexas e tudo digestório.
b) (     ) tubo digestório e estruturas isoladas.
c) (     ) glândulas anexas e estômago.
d) (     ) intestino delgado e intestino grosso.

3. As glândulas anexas ao tubo digestório são:
a) (     ) glândulas salivares, fígado e estômago.
b) (     ) glândulas salivares, pâncreas e esôfago.
c) (     ) glândulas salivares, pâncreas e o fígado.
d) (     ) boca, faringe e esôfago

4. O tubo digestório começa:
a) (     ) nas glândulas salivares.
b) (     ) na boca.
c) (     ) no esôfago.
d) (     ) no estômago.
  
5. O esôfago está situado:
a) (     ) entre o estômago e o intestino delgado.
b) (     ) entre o pâncreas e o estômago.
c) (     ) entre a boca e o estômago.
d) (     ) entre o intestino grosso e o delgado

6. O que são movimentos peristálticos?

7. Relacione as informações de acordo com as letras dos órgãos identificados a esquerda:
( a ) Faringe
( b ) Esôfago                                      
( c ) Estômago                                   
( d ) Intestino delgado
( e ) Intestino grosso                       .
( f ) Boca

(     ) Tubo de aproximadamente 3 metros enrolado no abdômen.
(     ) Recebe os alimentos vindos do esôfago.
(     ) Contém os restos de alimentos que serão eliminados na forma de fezes.
(     ) Órgão que leva o alimento da boca ao esôfago.
(     ) Conduz os alimentos da faringe até o estômago.
(     ) Onde ocorrem os processos de mastigar, triturar e moer os alimentos

8. Observe a figura abaixo e complete os nomes dos órgãos que estão faltando.
Observação: Não sei quem é autor dessa atividades
mas eu retirei desse:
Fonte:http://educarx.blogspot.com.br/2013/09/sistema-digestorio-exercicios-de.html
Porém a Evelyn  dona do site Arte de lecionar, diz que os créditos devem ser dela porque foi ela que formulou as perguntas, sendo assim:
Fonte: Fonte:  www.artedelecionar.blogspot.com.br 

Google+ Followers